segunda-feira, 24 de julho de 2017

Eu vejo o despreparo nos seus olhos,
e por isso aflito peito dentro,
conflito artesanal peito fora.
Queria que tu tivesse jeito,
que se ajeitasse nesse caldeirão,
aprendesse a mexer o que já borbulha...
Já que quis brincar com a bruxa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário